Desculpas que o Empregador não aceita – e Porquê

FacebookGoogle+

Segue abaixo uma relação de cláusulas de trabalho que regem contratos de trabalho entre pessoa jurídica e física:

DOENÇA
Estar doente não é desculpa para não ir trabalhar. Nem o atestado médico serve como garantia de estar doente, pois se você estava em condições de visitar um médico, também podia ter vindo trabalhar.


MORTE NA FAMÍLIA
Não tem desculpa. Pelo morto não se pode fazer mais nada, e os preparativos para o enterro podem ser feitos por outra pessoa. Se conseguir marcar o enterro para o fim da tarde, a firma deixa-o, de boa vontade, sair meia hora mais cedo (isso se o seu trabalho estiver pronto…)


MORTE PRÓPRIA
Aqui você pode contar com a nossa compreensão, se:

a) informar a empresa duas semanas antes do acontecimento, para arranjarmos outra pessoa que faça o seu trabalho;
b) telefonar para a empresa até às 8h para dizer que morreu durante a noite;
c) enviar um atestado com a sua assinatura e a do médico relatando a causa da morte (senão serão descontados dias das suas férias)


CIRURGIAS
Cirurgias aos nossos trabalhadores são proibidas, pois nos os contratamos como eles eram. A tiragem ou substituição de órgãos é contra o contrato de trabalho.


BODAS DE PRATA E OURO
Para uma festa deste tipo não damos dias livres. Se está casado(a) há 25 ou 50 anos com a mesma pessoa, fique feliz em poder vir trabalhar.


ANIVERSÁRIO
O fato de ter nascido não quer dizer que o tenha merecido. Por isso, não damos o dia!


NASCIMENTO DE UM FILHO
Por um erro deste tamanho, não damos dias livres aos nossos trabalhadores (o erro foi seu). E, além disso, você já teve o seu divertimento.


A Diretoria

Recommend to a friend

Comentários

  1. Stafon disse:

    Unleeaplalrd accuracy, unequivocal clarity, and undeniable importance!

    1. Admin disse:

      Thanks